Bateria nuclear pode durar 100 anos, mas você usaria no seu celular?

O processador, o armazenamento, os sensores, o software, as telas. Na miríade de componentes eletrônicos, tudo tem evoluído bem rápido. Mas existe um componente fundamental que precisa evoluir para as próximas gerações de eletrônicos, sejam eles carros autônomos ou devices vestíveis: a bateria. Quem viveu a época da Guerra Fria talvez tenha dificuldade de aceitar o que parece ser uma grande promessa para esse futuro, as baterias nucleares. 


Ainda que você sinta um certo incomodo em usar uma bateria nuclear em seu laptop, no colo, perto de seus genitais, a tecnologia parece estar evoluindo rápido. Em 2012, a empresa City Labs lançou uma bateria baseada em trítio, um gás radioativo. Do tamanho de um polegar, a bateria consegue fornecer energia contínua por mais de 20 anos. Dependendo da sua idade, talvez você tenha usado um relógio com marcações de hora e ponteiros acesos. Em muitos deles, o brilho que durava “para sempre” era feita a base de trítio. Em 2016, um canal especialista em experimentos químicos no Youtube chamado NurdRage criou uma bateria usando trítio. Por usar painéis solares, desses encontrados em calculadoras –

Veja mais em https://www.uol.com.br/tilt/colunas/ricardo-cavallini/2020/08/25/bateria-nuclear-dura-muito-mais-mas-voce-usaria-no-seu-celular.htm?cmpid

O acidente de Beirute, a Química e o ENEM – o Nitrato de Amônio

▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
▓▓▓▓▓▒▒▒░░░ DESCRIÇÃO DO VÍDEO ░░░▒▒▒▓▓▓▓▓▓ ▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
O que a Química e o ENEM têm a ver com o acidente de Beirute? Esse encontro é super importante para você entender o papel do Nitrato de Amônio no grave acidente ocorrido em Beirute. Com vídeos às Segundas, Quartas e Sextas, SEMPRE às 18h, o canal QUÍMICA COM ARTE (Q C A ) é apresentado pelo Professor João Roberto Mazzei e tem como objetivo compartilhar, de forma simples e direta, um rico conteúdo de Química. São aulas explicadas de forma bem humorada, objetiva, simples e rápida, que misturam música, dança, memes, gifs para que você consiga entender a matéria.

Quer entender a Química de forma simples e fácil?

Me siga nas redes sociais….hehehehe

NÃO CLIQUE AQUI: https://bit.ly/2yi97Y5

Instagran: @bymazzei
Tweeter:@professormazzei
Pinterest: https://pin.it/2z3EYXw
Spotify: https://open.spotify.com/user/12186516130
Site: http://www.professormazzei.com
Canal do Youtube: https://bit.ly/2yi97Y5
Minha Rádio: http://radioatividademusic.com.br/

Este vídeo é um uso justo de acordo com a lei de direitos autorais do Brasil.

Como reaproveitar o óleo usado nas frituras?

O que fazer com o óleo de cozinha que sobra após o preparo de suas refeições?

O Prof. @bymazzei te conta como aproveitar estas sobras da melhor forma possível, sem poluir o meio ambiente.

AULA SOBRE PILHAS COM QUESTÕES DO ENEM – PROFESSOR ROBERTO MAZZEI

Leia abaixo do vídeo os enunciados das questões e seus respectivos tempos na timeline: 

Enunciados das questões e seus tempos na timeline:

(ENEM  2014 – Azul  –  59 )
Tempo do vídeo: 00:25:46

A revelação das chapas de raios X gera uma solução que contém íons prata na forma de Ag(S2O3)2-3 . Para evitar a descarga desse metal no ambiente, a recuperação de prata metálica pode ser feita tratando eletroquimicamente essa solução com uma espécie adequada. O quadro apresenta semirreações de redução de alguns íons metálicos

Você pergunta e o professor Roberto Mazzei responde – 9º ENCONTRO

Eletrólise

Tema da Aula: ELETROQUÍMICA (ELETRÓLISE)

Assuntos tratados nessa aula:

.  Espontaneidade das Reações Químicas
. Pilhas x Eletrólise
. Potencial de Eletrodo Padrão
. Oxidação e Redução
. Agente Oxidante e Agente Redutor
. Cátodo e ânodo
. Eletrólise Ígnea
. Eletrólise Aquosa

. Resolução da Questão 95 – Prova Azul – ENEM 2017
Enunciado:

A eletrólise é um processo não espontâneo de grande importância para a indústria química. Uma de suas aplicações é a obtenção do gás cloro e do hidróxido de sódio, a partir de uma solução aquosa de cloreto de sódio. Nesse procedimento, utiliza-se uma célula eletroquímica, como ilustrado.

b. oxigênio molecular.
c. hipoclorito de sódio.
d, hidrogênio molecular.
e. 
cloreto de hidrogênio.